Página inicial
 
Mural de recados
19.08 | MARCOS LEITE
EU SÓ ESPERO Q O CANDIDATO VENCEDOR, TEM UM GRUPO DO PATRIMONIO, CENTRAL TÁ PRA ...
18.08 | Patativa
Com certeza essa chapa de Clóvis Lucena irá vencer,a outra só tem liso sem futur ...
18.08 | MARCOS LEITE
NA ELEIÇÃO DO CENTRAL, TEM QUANTOS CANDIDATOS A PRESIDENTE? EIS A QUESTÃO PROCUR ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
24/04/2014
17h46 | esportes - NÁUTICO
NÁUTICO -> Jogadores tentam esquecer derrota no Estadual e focam na disputa da Série B
Clique e Confira.
Não foi preciso procurar muito para encontrá-lo. No dia seguinte à decisão do Pernambucano, o abatimento ainda tomava o semblante do elenco alvirrubro. De encontro marcado com o Vila Nova para a tarde deste sábado, não havia outra alternativa, senão tentar esquecer o revés e voltar aos trabalhos. Mas apesar da evidente frustração, havia ainda outro sentimento entre jogadores e membros da comissão técnica: o orgulho pela superação de tantos obstáculos.

Apontado como uma das contratações bem sucedidas desta primeira fase da temporada alvirrubra, o volante Yuri tentou levantar o moral de seus colegas. “Tenho orgulho de fazer parte desse time. O que a gente fez aqui, pelo tempo de trabalho, pelos recursos e pelo tempo em que foi montado o elenco é digno de respeito”, justificou. “Não vou discutir o título, mas o jogo de ontem, nós merecíamos ter vencido. Já mostramos nossa qualidade, nosso potencial. Vamos com tudo pra Série B, para a Copa do Brasil. Temos nossas metas”, lembrou.

O cabeça de área ressaltou ainda que o Náutico enfrentou um advesário qualificado na decisão. “Foi uma grande final. Temos que engrandecer o Sport. Não podemos agir com paixão. Temos que analisar friamente. Tem um trabalho do outro lado também. Os caras fizeram por onde, como nós fizemos também. Enfrentamos um clube com o orçamento muito maior que o nosso. Queria muito ter sido campeão. Recuperamos a auto-estima do torcedor, o orgulho de torcer pro Náutico. Mostramos que a gente queria ganhar, que a gente queria esse título.”

Oriundo das divisões de base do clube e um das revelações do Estadual, o zagueiro Flávio também tratou de enaltecer a entrega do elenco para justificar sua convocação de apoio da torcida. “Sei que é difícil, encarando o lado do torcedor. Ficar dez anos sem um título não é fácil. Ainda mais para um clube com a grandeza do Náutico. Mas a gente lutou de todas as formas. A bola não quis entrar. Precisamos do apoio deles.”
 
Do Super Esportes 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker