Página inicial
 
Mural de recados
22.07 | MARCOS LEITE
NA SÉRIE A2 SÓ SOBE O CAMPEÃO, ESPERO SEJA O PORTO GAVIÃO DO AGRESTE. OU PESQUEI ...
21.07 | jose arruda
Warley, obrigado pela informação atualizada sobre o Sub 20-2017. A FPF divulgou ...
21.07 | Adalgisio
Warley relembra aquela campanha do central na serie D que o time era comandado p ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
13/11/2013
12h48 | esportes - NÁUTICO
NÁUTICO > Para enfrentar o Fluminense: Maikon Leite é vetado e Marcelo Martelotte fica entre Morales, Rogério e Saullo
Clique e Confira.
Sem mais qualquer objetivo concreto na Série A, o Náutico busca motivação em qualquer fator para terminar a competição com o mínimo de dignidade. Rebaixado e com a lanterna da competição consumada, o Timbu treinou na manhã desta quarta-feira, nos Aflitos. Foi o último trabalho antes de enfrentar o Fluminense na noite desta quinta-feira, no Maracanã. Para a partida, o técnico Marcelo Martelotte não poderá contar com Maikon Leite, vetado pelo departamento médico com dores no adutor da coxa.
 
Para a vaga de Maikon, Martelotte deu um leque de opções: Morales, Rogério ou Saulo. O primeiro, recentemente fez um acordo para diminuir o tempo de contrato e o salário com o Timbu e já sabe que não ficará para 2014. O segundo, está recuperado de lesão e volta ao time. O terceiro tem 16 anos e, pela primeira vez, está viajando com a delegação alvirrubra. “São possibilidades que estamos estudando. Se o Morales jogar, por exemplo, não muda muito. Ele fará a função de segundo atacante”, pontuou o treinador.

Questionado sobre onde buscar motivação, Martelotte pontuou a competição por si só como fator importante. “Só o fato de estar jogando contra adversários que estão decidindo aumenta a nossa responsabilidade, pela necessidade, outros times dependem desse resultado. Temos que ser o mais profissional possível”, disse o treinador, acrescentando sobre a situação do Fluminense.

“Não vejo vantagem na situação atual deles.É um time de grande qualidade, em situação que está perigosa. Não tem Vanderley Luxemburgo, mas tem Dorival Júnior, essa mudança cria motivação nesse momento e vejo um jogo muito difícil. A gente pode tirar vantagem dependendo do que fizermos no jogo”, pontuou Martelotte.
 
Do Super Esportes 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker