Página inicial
 
Mural de recados
16.08 | CLEO
O TERRENO ONDE DEVEM CONSTRUIR O CT DO CENTRAL? TÁ JOGADO PRAS COBRAS, COMO SE D ...
15.08 | MARCOS LEITE
RESTA AOS SÓCIOS PROPRIETÁRIOS DO COMÉRCIO, SE UNIR, RESTAURAR E REFORMAR O CLU ...
15.08 | VICTOR HUGO
É VERDADE GUSTAVO, O CENTRALZÃO TEM Q CONSTRUIR SEU CT NINHO DA PATATIVA NO SEU ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
19/07/2013
18h16 | esportes - NÁUTICO
NÁUTICO -> Alvirrubro divulga documento em que clube chinês pede R$ 27 milhões por Kieza
Oferecimento: Boa Vista Auto Center
Do Super Esportes 
 
A possível vinda do atacante Kieza está completamente descartada pelo presidente do Náutico, Paulo Wanderley. O Shenxin, clube chinês que detém os diretos do atleta, pediu a bagatela de 9 milhões de euros (aproximadamente 27 milhões de reais) pela liberação do atleta. A informação foi confirmada por um dos membros do colegiado ontem e ratificada nesta sexta-feira com o próprio clube divulgando o documento enviado pelos chineses. "Esses valores impossibilitam a negociação", disse o mandatário.

Kieza teria sido vendido por um grupo de investidores por cerca de R$ 6 milhões, ainda no início do Campeonato Pernambucano. O Náutico teria recebido uma compensação financeira de R$ 1,2 milhões, pela quebra de contrato que tem com o atacante e iria até maio. As informações nunca foram confirmadas oficialmente pela diretoria alvirrubra.

No texto, o clube chinês afirma que não quer negociação: "O Shangai Shenxim confirma que não quer negociar nenhum tipo de transferência por empréstimo para o jogador Kieza nem negociação envolvendo outros jogadores. Kieza é um grande jogador e nós precisamos dele no nosso clube. Se vocês o quiserem, solicitamos que paguem 9 milhões de euros como forma de compensação. Obrigado."
Divulgação

.
 
 
 
eXTReMe Tracker