Página inicial
 
Mural de recados
27.04 | Givaldo
Esse tal de Patativa devia mudar o nome para Urubu, esse desgraçado só faz corta ...
27.04 | Patativa
Meu Deus isso foi mostrado e um gramado ou um chiqueiro ...
26.04 | MARCOS LEITE
O CENTRAL PERDEU VÁRIOS BONS JOGAGORES Q DISPUTARAM O PERNAMBUCACNO DESSE ANO, A ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
16/11/2016
09h14 | esportes - SÉRIE A
SÉRIE A - Coritiba 1x0 Santa Cruz - Tricolor está oficialmente rebaixado para a segunda divisão

matematicamente, o Santa Cruz está agora, enfim, confirmado na Segunda Divisão. A queda foi oficializada nesta quarta-feira, após derrota por 1 a 0 para o Coritiba, no Couto Pereira. O Tricolor jogou relativamente bem, mas perdeu uma enxurrada de gols e permitiu o adversário vazá-lo. Um roteiro digno de time rebaixado. A três rodadas do fim do Brasileiro, o clube coral paga o preço por ter errado no planejamento financeiro e por ter feito contratações sem critério para o nacional. Quem tinha ainda o mínimo de esperança na permanência vai assistir agora à equipe, de fato, apenas cumprindo tabela na competição. Até 4 de dezembro.

Praticamente só deu Tricolor no primeiro tempo. Motivação louvável para atletas agora há três meses sem salários e que voltaram a entrar em campo com um rebaixamento encaminhado. Bem postados, os corais compactavam as linhas defensivas e saiam em contra-ataques para pegar a defesa adversária desprevenida. Nessa toada, Léo Moura perdeu grande chance ao receber passe de Keno, aos 14. Wilson defendeu. Antes, só com três minutos, o goleiro do Coxa havia evitado outro gol, de Grafite, depois de Jadson ter recuperado a bola nas proximidades da grande área. O camisa 23 ainda colocaria uma bola na trave na etapa final

Quando não tinha espaço para tocar a bola no meio-campo, o Tricolor recorria aos jogadores de beirada. Vitor e Keno eram constantemente acionados. Mas foi o centroavante Grafite quem construiu o melhor lance na linha de fundo. Pelo lado direito, o veterano serviu João Paulo, que chutou por cima do gol. No início do segundo tempo, o Santa encontrou ainda mais brechas. Mas sobrava preciosismo. Os tricolores optavam por dar um passe a mais ao invés de finalizar. Acabavam perdendo a bola. Quando fez o simples, a equipe pernambucana voltou a assustar Wilson. Jadson desperdiçou a quarta chance clara ao receber assistência de Roberto.


Ficha do jogo

Coritiba 1

Wilson; César Benítez, Walisson Maia, Juninho e Carlinhos (Dodô); Amaral, Juan (Yan) e Raphael Veiga (Iago); Leandro, Kazim e Kleber. Técnico: Paulo César Carpegiani.

Santa Cruz 0
Tiago Cardoso; Vitor (Arthur), Danny Morais, Luan Peres e Roberto; Derley (Bruno Moraes), Jadson (Pisano), João Paulo, Léo Moura; Keno e Grafite. Técnico: Adriano Teixeira (interino).

Estádio: Couto Pereira (Curitiba-PR). Árbitro:Jean Pierre Gonçalves Lima (RS). Assistentes:Nadine Schramm Câmara Bastos (Fifa-RS) e Leirson Peng Martins (RS). Cartões amarelos:Raphael Veiga, Juninho, Carlinhos e Dodô (Coritiba); Derley e Danny Morais (Santa Cruz). Gol: Leandro (29’ do 1T, Coritiba). Público: 8.564. Renda: R$ 116.280,00
DO SUPER ESPORTES PE

.
 
 
 
eXTReMe Tracker