Página inicial
 
Mural de recados
18.09 | MARCONDES
O PORTO MOSTROU Q TRABALHO E ORGANIZAÇÃO DÃO BONS FRUTOS, ESPERO Q O CENTRAL SE ...
18.09 | MARCOS LEITE
PARABENS O PORTO FEZ BARBA E CABELO COMO SE DIZ NA GIRIA DO FUTEBOL, GANHOU SÁBA ...
18.09 | VICTOR HUGO
VOA ALTO GAVIÃO, NO SUB-20 PORTO 5X0 BELO JARDIM E NA SÉRIE A2 SETE 0X2 PORTO, V ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
12/08/2016
10h51 | esportes - SANTA CRUZ
Doriva é o novo técnico do Santa Cruz
SANTA CRUZ
Poderia ter sido antes. No começo da gestão de Alírio Moraes houve a primeira proposta. Agora, porém, na segunda tentativa, veio a concretização. O Santa Cruz já tem o seu novo comandante técnico para a sequência da temporada 2016. Depois da recusa em 2014, Doriva acertou com o Tricolor para o restante da Série A e terá a tarefa de assumir a equipe na briga para fugir do rebaixamento no Brasileiro, além da disputa inédita do clube na Copa Sul-Americana. "Feliz e honrado em trabalhar em um Clube grande como o Santa Cruz", disse o ex-volante, atráves da assessoria de imprensa.

 

Doriva surgiu como um dos principais nomes cogitados pelo clube logo após a saída de Milton Mendes. Informações de bastidores dão conta de que representantes ofereceram os serviços do técnico ao Santa Cruz, mas o alto salário travou um acerto mais breve.

Em seguida, houve um recuo nas cifras que levou a diretoria de futebol coral voltar a cogitar o treinador diante da dificuldade em fechar com Gilson Kleina, receoso com a parte financeira no Arruda com a possibilidade de gerar atrasos de salário e trazer reforços.

Dorival Guidoni Junior, natural de Nhandeara no interior paulista, teve grade destaque na carreira como jogador, chegando a disputar competições internacionais com a Seleção Brasileira como a Copa do Mundo da França, em 1998, além de passagens por clubes como São Paulo e Atlético-MG no Brasil e pelo futebol português, espanhol, italiano e inglês.

Mas a carreira como jogador ficou para trás em 2008 e, aos 44 anos, o hoje técnico Doriva acumula um trabalho de destaque desde que deixou de ser auxiliar para assumir o comando técnico do Ituano em 2014 e conquistou o título de campeão paulista, que lhe rendeu projeção nacional ao ser contratado pelo Atlético-PR no mesmo ano. Uma passagem curta e discreta com apenas três vitórias em oito jogos.

Em 2015, Doriva voltou a ser destaque ao assumir o comando do Vasco, mesmo depois de assinar com o Botafogo-SP. No clube carioca, teve a sua segunda maior passagem como treinador ao ficar à frente do cargo por 31 jogos, saindo por não conseguir alcançar os objetivos. Na mesma temporada, ainda passou por Ponte Preta e São Paulo de maneira discreta, sendo demitido no Tricolor após escândalo envolvendo membros da diretoria do clube.

Doriva iniciou o ano no Bahia, onde teve mais jogos à frente de um time como técnico. Após um começo arrasador no Campeonato Baiano e na Copa do Nordeste - classificando como o time de melhor campanha na fase de grupos do regional -, o treinador não conseguiu manter o cargo após ser eliminado pelo próprio Santa Cruz na Arena Fonte Nova

 
DO SUPER ESPORTES PE 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker