Página inicial
 
Mural de recados
15.12 | Fabio
Sorteio da Copa do Brasil: Santos/AP x Sport Fluminense de Feira/BA x Santa ...
15.12 | Patativa
Foi no lacerdao hoje e fiquei impressionado com o péssima qualidade do gramado,m ...
15.12 | KLEO
CARLOS, TU ALÉM D SER PESSIMISTA, SÓ PENSA NEGATIVO, DIFERENTE DE MIM Q SOU OTIM ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
13/07/2016
09h23 | esportes - COPA DO BRASIL
COPA DO BRASIL - Vasco 1x1 Santa Cruz
O time misto utilizado pelo Santa Cruz nesta quarta-feira parecia mostrar que a Copa do Brasil não era tão prioritária para o treinador Milton Mendes. Embora a direção assegurasse até preferência no torneio nacional em detrimento da Sul-Americana, o técnico não quis sacrificar os seus titulares e montou a escalação com sete reservas em São Januário, contra o Vasco. Ainda assim, a modificada equipe coral ficou no 1 a 1, sofrendo gol nos últimos minutos do segundo tempo. Pode agora até empatar sem gols no jogo de volta, no Arruda, para se classificar às oitavas cumprir o planejamento estratégico da diretoria. Ao mesmo tempo, vê mais perto a chance de perder a inédita vaga na Sula 2016 - conforme bizarra regra da CBF, que diz que os clubes não podem passar desta terceira fase para terem o direito de disputar a competição continental.

Dos titulares do Santa, apenas Tiago Cardoso, Neris, Marcílio e Tiago Costa iniciaram entre os 11 diante do Vasco. Segundo Mendes, as peças que estavam menos cansadas. Num vídeo institucional do clube, em que também se divulgou a escalação, o técnico avisou que este jogo serviria para experimentações. “É o momento que a gente pode errar”, afirmou o comandante na publicação.
 
Enquanto parte dos titulares “descansavam” para a próxima partida do Brasileiro (esse, sim, o principal campeonato do ano para os corais), a equipe tricolor parecia não se intimidar com um Vasco completo e que trata a Copa do Brasil como “cereja do bolo” para a temporada. Bastaram dois minutos para Bruno Moraes, artilheiro do Santa no torneio nacional, abrir o placar. Como previa Milton Mendes, numa jogada fruto de um contra-ataque.

Em seguida, os mandantes estiveram mais perto do empate que o Santa do segundo gol no restante do primeiro tempo. Apesar de muitos erros na criação, o Vasco obrigou Tiago Cardoso a salvar os visitantes duas vezes, pelo menos. Ainda viu Wellington Cézar evitar um gol quase em cima da linha. A tática do time pernambucano era esperar o momento certo de mais uma investida rápida.  

A tônica dos primeiros 48 minutos foi repetida no segundo tempo. O Tricolor também teve as suas chances de ampliar. Titulares absolutos, Keno, João Paulo e depois Uillian Correia foram acionados. Com a entrada do trio, o Tricolor fez de tudo para segurar o resultado e levar a vantagem mínima ao Arruda, numa mostra clara que anseia mesmo avançar de fase. Contudo, sofreu o golpe aos 43. Luan empatou num lance de azar de Tiago Cardoso e tornou a partida eletrizante até o apito final. O Santa volta agora atenções para o Brasileiro e vai enfrentar o América-MG no domingo, em Belo Horizonte. Na próxima quarta-feira, reencontra o Cruzmaltino no Recife e decide o seu futuro na Copa do Brasil (e Sul-Americana).

FICHA DO JOGO

Vasco da Gama 1
Martín Silva; Madson (Yago Pikachu), Luan, Rodrigo e Júlio César; Marcelo Mattos, Henrique (Caio Monteiro), Andrezinho e Nenê; Leandrão (Thalles) e Jorge Henrique. Técnico: Jorginho.

Santa Cruz 1
Tiago Cardoso; Vitor, Neris, Wellington e Tiago Costa; Wellington Cézar (Uillian Correia), Derley, Leandrinho (Keno), Marcílio e Lelê (João Paulo); Bruno Moraes. Técnico: Milton Mendes.

Estádio: São Januário (Rio de Janeiro-RJ). Árbitro: Joélson Nazareno Ferreira Cardoso (PA). Assistentes: Hélcio Araújo Neves (PA) e Luiz Antônio Barbosa (MG). Gols: Bruno Moraes (2’ do 1T, Santa) e Luan (43' do 2T, Vasco). Cartões amarelos: Jorge Henrique, Madson, Júlio César (Vasco); Derley e Tiago Costa (Santa Cruz).
 
DO SUPER ESPORTES PE 
 
 
nenê vasco x santa cruz são januário (Foto: André Durão)Vasco e Santa Cruz ficaram no empate em
São Januário (Foto: André Durão)

.
 
 
 
eXTReMe Tracker