Página inicial
 
Mural de recados
20.08 | Jose Helio Pessoa
Bom dia centralinos, surge uma esperança na história do nosso querido Central de ...
19.08 | Gustavo
O Atletico do Acre conseguio o acesso pra serie C com uma folha salarial de 60 m ...
19.08 | Antonio do Salgado
Com certeza ja deram um ninha em Airton Junior, e sobre a outra chapa kd o Alexa ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
03/07/2015
12h02 | esportes - SANTA CRUZ
SANTA CRUZ: Tricolor não descarta distrato com a Penalty e Nike pode ser a nova fornecedora do clube
A diretoria do Santa Cruz não esconde a insatisfação com a sua atual fornecedora de material esportivo. Com vínculo com os corais desde 2009, a Penalty não vem cumprindo acordos de distribuição assinados em contrato, segundo indicou o presidente Alírio Moraes. O estopim para o Tricolor começar a cogitar um rompimento veio após a contratação de Grafite. A empresa teria rejeitado abraçar o plano de marketing proposto para exploração da imagem do atacante. Nesse cenário de divergência, a Nike pode ser a nova parceira dos corais.

O maior sinal do possível fechamento com a multinacional norte-americana surgiu na conta do Twitter do próprio vice-presidente do Santa Cruz, Constantino Júnior. Na última quarta-feira, postou: "Just do it" ("Apenas faça", na tradução livre para o português). A frase é mote das campanhas publicitárias da Nike há 27 anos. Questionado sobre a publicação bastante sugestiva, o dirigente se esquivou. Tratou como mera coincidência. "Não sei de nada. Postei do nada."

Procurada pelo Superesportes, a Nike, via assessoria de imprensa, também foi evasiva na sua resposta. Entretanto, acabou não descartando a possibilidade de um acerto. "Nike não comenta o assunto", limitou-se. Na verdade, nem o Santa nem os possíveis futuros parceiros podem se pronunciar abertamente ainda sobre qualquer negociação devido ao contrato que o clube ainda mantém com a Penalty. A insatisfação com o atual parceiro, no entanto, é notória no Arruda.

Nesta sexta-feira, Alírio Mores, inclusive, estará em São Paulo para tentar um distrato amigável com a empresa. "As campanhas da Penalty têm sido tímidas. A ação que foi feita na apresentação de Grafite, por exemplo, só pôde acontecer porque tínhamos um estoque de produtos. Um desgaste que já havia se potencializou. Já sentimos falta uma linha popular. Falta alguns equipamentos para a torcida e para o time. A gente não sente sensibilidade deles em nos ajudar. O Santa começa a perder também dinheiro e recebe royalties pequenos", indicou o presidente. "Imagine Grafite estreando e sem ações do principal fornecedor. Vamos ainda tentar nos alinhar nesta reunião. Mas, caso não se consiga, iremos estudar uma substituição", emendou.

Os fornecedores na história Santa Cruz

Adidas
1981/1990

CCS
1991/1994

Amddma
1994/1995

Rhumell
1995

Diadora
1996/1997

Finta
1998/2007

Champs
2008

Penalty
2009/2014
 
Do Super Esportes 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker