Página inicial
 
Mural de recados
27.04 | Givaldo
Esse tal de Patativa devia mudar o nome para Urubu, esse desgraçado só faz corta ...
27.04 | Patativa
Meu Deus isso foi mostrado e um gramado ou um chiqueiro ...
26.04 | MARCOS LEITE
O CENTRAL PERDEU VÁRIOS BONS JOGAGORES Q DISPUTARAM O PERNAMBUCACNO DESSE ANO, A ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
06/06/2015
11h29 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B -> Santa Cruz joga mal, mas arranca empate no fim com o Luverdense e deixa a zona de degola: 2x2
CLIQUE E CONFIRA.
Não é cedo. Pelo contrário. O que o Santa Cruz tem feito nesta Série B já liga o sinal de alerta. Pouco produtivo ofensivamente. Repleto de falhas defensivamente. A equipe coral se arrasta em campo. Diante do Luverdense, a situação era crítica até que o time achou um contra-ataque no segundo tempo e conseguiu assegurar um empate em 2 a 2 com o gol de Nathan. O resultado, que deixou a equipe com quarto pontos, tirou o time da zona de rebaixamento da Série B. Um alívio momentâneo. Afinal, a equipe está longe de convencer.

Pressionado no cargo, Ricardinho tentou dar nova cara ao time e decidiu mudar a escalação. Com cinco homens no meio-campo, o treinador levou a proposta de rodar mais a bola. No entanto, antes de perceber qualquer traço de evolução na equipe, o time coral abriu o placar. Daniel Costa cobrou uma falta colocada e balançou as redes aos três minutos. O gol poderia retirar o peso da equipe, mas não.

A equipe coral voltou apresentar os erros de sempre. Principalmente, nas bolas aéreas. Um problema crônico nesta Série B. Explorando essa falha, o Luverdense se tornou o dono do jogo e virou a partida com dois cruzamentos precisos partindo do lado esquerdo. Diego Rosa, aos 17 minutos, e Osman, aos 26, concluíram bem a jogadas. 

Sem reação e pressionado, o Santa Cruz apenas levou perigo nas bolas paradas com Daniel Costa. A equipe coral esteve longe de conseguir trabalhar as jogadas. Repleta de passes errados e engessada. Para piorar, o time ainda ficou sem Anderson Aquino, que saiu de campo machucado. 

No segundo tempo, o cenário continuou o mesmo. À vontade, o Luverdense conseguiu tocar a bola e sair em velocidade pelas laterais. Enquanto isso, o Santa Cruz parecia se arrastar em campo. Pesado. Desarticulado. Até que, em um lampejo, conectou um rápido contra-ataque. Nathan recebeu o lançamento e tocou na saída do goleiro Adson. Empate suado. O time coral ainda tentou partir para pressionar no time, mas não conseguiu.

Luverdense-MT 2 
Edson Kölln; Diogo Silva, Everton, Montoya, Paulinho e Júlio Terceiro; Ricardo, Deyvid Sacconi (Lucas Fernandes), Osman e Diego Rosa (Da Matta); Ciro. Técnico: Júnior Rocha.

Santa Cruz 2
Fred; Nininho, Diego Sacoman, Danny Moraes e Marlon (Bruninho); Wellington, Edson Sitta (Nathan), Lúcio, Daniel Costa e João Paulo; Anderson Aquino (Bruno Mineiro). Técnico: Ricardinho

Local: estádio Passos das Emas (Lucas do Rio Verde. Árbitro: Rodrigo Alonso Ferreira (SC). Assistentes: Éder Alexandre (SC) e Alex dos Santos (SC). Gols: Daniel Costa (3 min do 1ºT), Diego Rosa (17 min do 1ºT), Osman (26min do 1ºT), Nathan (aos 34min do 2°T). Cartões amarelos: Diego Sacoman, Wellington, Nathan (S); Diogo Silva, Everton, Deyvid Sacconi, Montoya (L). Cartão vermelho: Diego Sacoman. Público: 843 pessoas. Renda: R$ 6.930,00.
 
Do Super Esportes 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker