Página inicial
 
Mural de recados
28.04 | Antonio
Esse Danilo Costa parece ser um monstro na zaga ...
28.04 | Anderson
Esse zagueiro Danilo parece ser um bom jogador para a nossa PATATIVA!!!! ...
28.04 | Gabriel
O Central precisa de um bom plano de marketing, filmar bastidores, como é a roti ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
15/05/2015
11h26 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B > Santa Cruz melhora na finalização, goleia Paraná por 4x1 e ganha o primeiro jogo na Série B
CLIQUE E CONFIRA.
O Santa Cruz construiu sem traumas a sua primeira vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. Ao contrário da estreia na competição, contra o Macaé-RJ, os comandados de Ricardinho foram mais efetivos na finalização. Aproveitaram-se também da fragilidade do adversário e aplicaram 4 a 1, no estádio do Arruda. O primeiro tempo, é bem verdade, foi marcado por erros na conclusão dos recifenses. Terminou empatado em 1 a 1. A entrada do atacante Nathan no intervalo da partida, porém, deu o gás necessário para o time coral se impor e golear os paranistas.   

Desde os primeiros minutos do jogo, o Santa Cruz não se furtou em encurralar o Paraná. Embora com três homens na linha de frente, os visitantes eram inoperantes ofensivamente e davam espaços para os mandantes atacarem quando queriam. João Paulo foi a força motriz do Tricolor. Organizou o time. Construiu quase todas as jogadas. O primeiro gol, aliás, partiu dos seus pés. Cobrou uma falta e zagueiro Rodrigo acabou fazendo contra, aos seis minutos. A vantagem não foi capaz de acuar a equipe da casa, tampouco despertar os paranistas. A equipe de Ricardinho seguiu pressionando a de Nedo Xavier. Mas Anderson Aquino, Bruno Mineiro e o próprio João Paulo desperdiçaram boas oportunidades.

O preço das chances perdidas foi alto. Numa bola parada alçada na área, de forma semelhante ao gol do Santa Cruz, o Paraná deixou tudo igual. O mesmo Rodrigo, que tinha feito um gol contra pouco tempo atrás, redimiu-se. Aos 39 da etapa inicial, empatou o confronto e deixou a torcida coral inflamada com o time. As contestações, inclusive, só cessaram na hora do intervalo - quando alguns aplausos, mais em tom de incentivo, tentavam inibir as vaias.

No time titular do Santa que foi escalado nesta sexta, apenas dois jogadores haviam balançado as redes em 2015 - João Paulo e Anderson Aquino. Ainda assim, a falta de Betinho, artilheiro do Tricolor no ano, não foi sentida. De volta à titularidade após mais de três meses, Bruno Mineiro teve uma participação apenas discreta. Foi substituído por Nathan na volta para o segundo tempo. Alteração que mudaria o panorama da partida. 

O reserva foi quem deu mais mobilidade ao time. E terminou sendo coroado com o segundo gol coral. João Paulo, este ovacionado pelos torcedores durante todo o jogo pela atuação, recuperou uma bola que parecia perdida na linha de fundo e tocou para Renatinho. O lateral esquerdo cruzou para Nathan. De cabeça, o atacante fez 2 a 1. Foi o primeiro gol dele como atleta profissional. Com o Paraná esbarrando em suas próprias limitações, Anderson Aquino ampliou duas vezes, aos 27 e 37 minutos.

Santa Cruz 4
Fred; Nininho, Diego Sacoman, Danny Morais e Renatinho; Edson Sitta, Bileu, João Paulo (Thiaguinho) e Pedro Castro (Emerson Santos); Anderson Aquino e Bruno Mineiro (Nathan). Técnico: Ricardinho.

Paraná 1
Marcos; Ricardinho, Luiz Felipe, Rodrigo e Yan; Jean (Danilo Baia), Eder (Lucas Prato), Washington, Rafael Costa; Henrique e Paulo Henrique (Fernando Viana). Técnico: Nedo Xavier.

Local: Arruda (Recife-PE)
Árbitro: Ítalo Medeiros de Azevedo (RN)
Assistentes: Flávio Gomes Barroca (RN) e Francisco Jaílson da Silva (RN)
Gols: Rodrigo (6' do 1T, Santa - gol contra); Rodrigo (39' do 1T, Paraná), Nathan (9' do 2T, Santa), Anderson Aquino (27' e 37' do 2T, Santa)
Cartões amarelos: Jean, Rodrigo, Henrique e Yan (Paraná); Edson Sitta, Danny Morais e João Paulo (Santa)
Público: 8.172
Renda: R$ 92.330
 
Do Super Esportes PE - Foto: Ricardo Fernandes/DP Press 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker