Página inicial
 
Mural de recados
17.11 | CLEO
VERDADE VICTOR HUGO O REINADO DOS TRÊS DA CAPITAL ACABOU,COMO DIZ O DITADO FIZER ...
17.11 | VICTOR HUGO
TA DECRETADA A QUEDA DO SPORT KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK Q BELEZA KKKKKKKKKKKKKKKKKK ...
13.11 | CLEO
É VERDADE MARCOS LEITE O TRIO DE FERRO DA CAPITAL FOI UMA VERGONHA ESSE ANO. ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
21/03/2015
11h15 | esportes - PE 2015 - Hexagonal do Título
PE 2015 - Hexagonal do Título - Santa Cruz bate o Serra Talhada por 3x0 e se classifica para as semifinais
CLIQUE e CONFIRA.
O Santa Cruz ainda está longe de mostrar um futebol convincente e que agrade a torcida, mas pelo menos cumpriu o seu primeiro objetivo no ano. Com o placar construído no segundo tempo, o tricolor venceu o Serra Talhada por 3 a 0, neste sábado em um Arruda com bom público, e se garantiu matematicamente nas semifinais do Campeonato Pernambucano. Os corais chegaram aos 13 pontos e mesmo que percam o clássico contra o Sport na última rodada do hexagonal, no dia 5 de abril, não deixarão o G4, devido aos confrontos diretos dos demais concorrentes (Náutico, Central e Salgueiro). De quebra, o resultado devolve o placar da derrota sofrida para o Serra Talhada, no jogo de ida no Sertão.

Encarando o jogo como o da classificação, o Santa iniciou o confronto procurando pressionar o Serra Talhada. Para a partida, o técnico Ricardinho armou o meio de campo como um losango, com Édson Sitta mais recuado, João Paulo e Thiaguinho abertos pelos lados e Bruninho mais avançado. Porém, apesar do maior ímpeto ofensivo, os tricolores não fizeram um bom primeiro tempo.

Nos quinze minutos iniciais, o Santa até conseguia chegar a defesa sertaneja. Porém pecava muito no último passe. Por sinal, os erros de passe foram os principais responsáveis pelo time coral não transformar o maior volume de jogo em chances reais de abrir o placar. Nesse quesito, Thiaguinho se destacava negativamente, ao ponto de ser “marcado” pela torcida.

Dessa forma, os melhores lampejos tricolores vieram dos pés do lateral esquerdo Tiago Costa. Em dois avanços ao ataque, o defensor ameaçou a meta de Gléibson, com boas finalizações. Aos 30 e aos 45 minutos. Teve o seu nome gritado ao final da primeira etapa. Um misto de reconhecimento ao jogador e de cobrança ao time.
 
Foto: Ricardo Fernandes/DP/D.A Press
 
A etapa final começou da mesma forma. Com Tiago Costa sendo o sopro de qualidade do Santa Cruz. Logo no primeiro minuto, o lateral fez linda jogada individual, passando por três marcadores e cruzou para Betinho, de frente para a meta, perder o gol.

Aos nove minutos, após novo passe errado de Thiaguinho, a torcida e o técnico Ricardinho perderam a paciência. Assim, o meia saiu para a entrada de Raniel. E não demorou muito para a mudança surtir efeito. Dois minutos depois, o prata de casa abriu o placar, com um lindo chute, colocado, de fora da área. Foi o primeiro gol do jogador como profissional do Santa.

O gol também destravou o jogo para o Santa Cruz. Mais confiante, o time coral não demorou a fazer o segundo. Em nova jogada iniciada por Raniel, Anderson Aquino cruzou para Bruninho finalizar. No rebote, a zaga do Serra não cortou e Betinho empurrou para as redes. Santa classificado. Já no fim da partida, sob forte chuva, Alemão chutou uma falta com força. No rebote, Betinho completou para o gol e definiu o placar da partida.

Ficha do jogo

Santa Cruz 3
Fred; Nininho, Alemão, Danny Morais e Tiago Costa; Edson Sitta, Bruninho, João Paulo (Guilherme Biteco) e Thiaguinho (Raniel); Betinho e Anderson Aquino (Emerson Santos) Técnico: Ricardinho.

Serra Talhada 0
Gleibson; Marcos Vinicíus (João Carlos), Anderson, Alisson e Rafinha; Luciano Totó (Lucas), Ramon, Diogo e Paulinho Mossoró; Bebeto e Júnior Juazeiro. Técnico: Cícero Monteiro.

Local: Arruda. Árbitro: Luiz Sobral. Assistentes: Fernanda Colombo e Karla Renata Cavalcanti. Gols: Raniel (11 do 2º tempo) e Betinho (18 aos 46 do 2º tempo). Cartões amarelos: Thiaguinho e Tiago Costa (SC), Luciano Totó, Júnior Juazeiro, Diogo, Alisson e Anderson (ST). Público: 14.301. Renda: R$ 124.665.
 
Do Super Esportes PE 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker