Página inicial
 
Mural de recados
26.04 | MARCOS LEITE
O CENTRAL PERDEU VÁRIOS BONS JOGAGORES Q DISPUTARAM O PERNAMBUCACNO DESSE ANO, A ...
26.04 | Beltrão
A próxima contratação do Central vem do : A) veloclube B) aeroclube C) Cineclub ...
25.04 | Jose Helio Pessoa
DODEIRO NÃO ATRAPALHA....O CENTRAL SÓ NÃO É MAIOR DO QUE SUA LOUCURA...TIRAR LI ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
22/11/2014
09h13 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B -> Santa Cruz 0x1 Avaí - Após chegar à quinta rodada sem vencer na Série B, Santa Cruz dá adeus às chances de acesso
CLIQUE E CONFIRA.
Os resultados da rodada por si só já zerariam as chances de acesso do Santa Cruz. Mas o Tricolor não fez nem a parte que lhe cabia. Neste sábado, no último jogo da temporada no Arruda, os corais perderam do Avaí: 1 a 0. Acumulam agora cinco partidas sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro. A sequência negativa e a definitiva eliminação na competição deve custar o cargo técnico Oliveira Canindé, que chegou no clube em 21 de setembro e comanda o time desde a 25ª rodada.  . 

Houve um completo anticlímax no Arruda. Poucos torcedores estiveram presentes. A chuva que caia por algumas vezes tornava o cenário com uma moldura ainda mais melancólica. Entrar em campo parecia ser um fardo pesado para os jogadores do Santa. Momentos antes do apito inicial,  Tiago Cardoso chegou até a encabeçar uma reunião motivacional no gramado com o restante dos atletas. Mas até o goleiro também foi alvo do persistente anticlímax que pairava no estádio. Machucou-se. Demorou apenas quatro minutos em campo após ter sentido o joelho direito. Precisou ser substituído por Fred.

Na área técnica, Oliveira Canindé ainda vibrava. Não como outrora. Viu Alemão cometer um pênalti e Marquinhos convertê-lo para o Avaí, aos 18 minutos. Com o adversário na vantagem do placar, viu os torcedores mudarem de postura. Deixaram de apoiar. Começaram a bombardear o time  a cada erro. A carência de um melhor futebol levou-os a pedir constantemente a entrada de Flávio Caça-Rato. Uma falta cobrada por Tony acabou sendo a chance mais clara do time pernambucano no primeiro tempo do confronto.

Segundo tempo
A equipe de Geninho não ganhava fora de casa há sete rodadas. Embora vivo na briga pelo acesso, o Avaí mostrava limitações. O Santa voltou dos vestiários perdendo gols feitos. Caça foi acionado por Canindé. Nada mudou. Seguiu desperdiçando oportunidades de empatar a partida. O adversário recuou. Aproveitou-se de um rombo na lateral esquerda depois da saída da Nininho. Poderia ter matado o jogo. Mas foi eficiente atrás para segurar o resultado. 

Santa Cruz 0
Tiago Cardoso (Fred); Tony, Alemão, Renan Fonseca e Nininho (Flávio Caça-Rato); Sandro Manoel, Bileu, Danilo Pires e Wescley; Leo Gamalho e Pingo (Natan).Técnico: Oliveira Canindé. 

Avaí 1
Vágner; Marrone, Antônio Carlos, Pablo e Carleto (Eltinho); Eduardo Costa, Julio César, Eduardo Neto (Révson) e Marquinhos Catarina; Diego Viana (Anderson Lopes) e Roberto. Técnico: Geninho.

Local: Arruda (Recife-PE). Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ) - Fifa. Assistentes: Rodrigo Pereira Joia (RJ - Fifa) e Rodrigo Henrique Corrêa (RJ). Gols: Marquinhos Catarina (18' do 1T, Avaí). Cartões amarelos: Alemão e Tony (Santa Cruz); Julio César e Vágner (Avaí). Público: 7.289. Renda: R$ 83.653.
 
Do Super Esportes 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker