Página inicial
 
Mural de recados
24.04 | George Luís
Sou Centralino de Coração, apaixonado pela Patativa do Agreste, mas sem dúvidas, ...
23.04 | Davi
Parabéns ao Salgueiro pela campanha q vem fazendo,embora nos ultimos anos o time ...
23.04 | Patativa
Será que os dirigentes do Salgueiro administram o clube tal como os do Central, ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
01/11/2014
22h54 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B > Santa Cruz decepciona torcida que lotou Arena Pernambuco e perde para o América-RN: 1x0
CLIQUE E CONFIRA.

 

Uma derrota com contornos de "arenazo". O Santa Cruz teve a chance entrar no G4 da Série B pela primeira vez. Bastava ganhar. O modesto América-RN não deixou. Na tarde deste sábado, acabou freando a curva ascendente da equipe de Oliveira Canindé no campeonato. O 1 a 0 decepcionou a torcida coral que marcou presença na Arena Pernambuco, onde o Tricolor nunca havia perdido. Os torcedores quebraram o recorde de maior público de times do Recife no estádio. Mas não foram nenhum pouco brindados pelo time dentro de campo.

Nem mesmo as incoveniências relativas à mobilidade foram suficientes para impedir que o estádio ficasse praticamente lotado. Com mais uma hora para a bolar rolar, as cadeiras destinadas ao público já estavam bem preenchidas. A torcida estava motivada pela sequência de seis jogos sem perder. De quatro vitórias consecutivas. A massa chegava paulatinamente até meados do primeiro tempo. Não ficava muito tempo calada. Quando começou a partida, eram raros os espaços vazios e o barulho se amplificava pela acústica da Arena.

 

Os torcedores corais se angustiaram no primeiro tempo. Assistiram à uma partida truncada. Viram um América disposto a sair da zona do rebaixamento. Com superioridade na posse de bola, o Santa conseguiu algumas chances claras. Danilo Pires e Léo Gamalho perderam gols que depois fariam falta. Um chute de longe de Wescley, espalmado para escanteio pelo goleiro, encerrou as ações ofensivas do Santa na etapa inicial. 

 


Segundo tempo
A cada minuto que passava, os jogadores do Santa Cruz viam a oportunidade de entrar no G4 da Segundona ir embora. Apavoravam-se. O time de Roberto Fernandes começou a incomodar mais o de Oliveira Canindé. Cassiano entrou no lugar de Tony. Bileu, e depois Alberto, assumiram a lateral direita e o comandante tricolor, sedento pela vitória, passou a atuar num 4-3-3, apenas com um volante de contensão. Natan também foi acionado no lugar de Keno para ajudar a abrir o placar. Exposto, sofreu o gol aos 34. Max silenciou a Arena. O Tricolor não reagiu mais.

 

 

Santa Cruz 0
Tiago Cardoso; Tony (Cassiano), Alemão, Renan Fonseca e Tiago Costa; Sandro Manoel, Bileu (Alberto), Danilo Pires e Wescley; Keno (Natan) e Léo Gamalho. Técnico: Oliveira Canindé.

América-RN 1
Andrey; Walber (Zé Antônio), Cleber, Lázaro e Wanderson; Fabinho, Jean Cléber e Arthur Maia (Daniel Costa); Rodrigo Pimpão, Emerson (Andrezinho) e Max. Técnico: Roberto Fernandes.

Local: Arena Pernambuco (São Lourenço da Mata-PE). 
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL) - Fifa 
Assistentes: Esdras Mariano de Lima Albuquerque (AL) e Thalis Augusto Monteiro (AL)
Gol: Max (34 do 2T, América-RN)
Cartões amarelos: Max e Lázaro (América-RN); Léo Gamalho (Santa Cruz) 
Público: 34.746.
Renda: R$ 900.011,00
 
Do Super Esportes 

 


...
 
 
 
eXTReMe Tracker