Página inicial
 
Mural de recados
26.04 | MARCOS LEITE
O CENTRAL PERDEU VÁRIOS BONS JOGAGORES Q DISPUTARAM O PERNAMBUCACNO DESSE ANO, A ...
26.04 | Beltrão
A próxima contratação do Central vem do : A) veloclube B) aeroclube C) Cineclub ...
25.04 | Jose Helio Pessoa
DODEIRO NÃO ATRAPALHA....O CENTRAL SÓ NÃO É MAIOR DO QUE SUA LOUCURA...TIRAR LI ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
28/08/2014
13h26 | esportes - SANTA CRUZ
SANTA CRUZ: Tricolor vai treinar de portões fechados
Clique e confira!
 Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

O técnico Sérgio Guedes vai manter segredo sobre o Santa Cruz para o jogo desta sexta-feira (29/8), contra o Atlético-GO, às 20h30, no Arruda, pela 19ª rodada da Série B do Brasileiro. Na tarde desta quinta-feira (28), o treino será fechado para a imprensa e torcedores. Mas o mistério a respeito da escalação da equipe começou desde a terça-feira e, nesta quarta-feira (27), o comandante coral não deu dicas sobre o time, com variações durante a movimentação tática. 

Sem contar com o meia Carlos Alberto, poupado devido as dores musculares, e o volante/meia Danilo Pires, que aguarda para está quinta-feira o resultado do exame do joelho direito, Sérgio Guedes iniciou o treino com os meias Natan e Wescley, mas manteve a base da equipe da partida diante do Avaí, sábado passado. Em seguida, iniciou as mudanças. Uma delas foi até novidade, pois passou Renatinho para o meio-campo e colocou Julinho na lateral esquerda.

Outras modificações foram realizados no decorrer do treino. O volante Sandro Manoel saiu para a entrada de Bileu, enquanto o atacante Pingo ocupou a vaga de Natan, que ficou poucos minutos fora, pois retornou no lugar de Wescley. Assim, Keno saiu do ataque, e Pingo ficou ao lado de Leo Gamalho.

Com a saída de Wescley, Renatinho e Natan formaram a dupla de meias. O técnico só não mexeu no lateral Tony, nos zagueiros Everton Sena e Renan Fonseca, no volante Everton e no atacante Leo Gamalho.

O suspense a respeito da equipe e tantas variações têm um motivo. Afinal, o tricolor é 13º colocado, com 24 pontos, e o adversário, com um ponto a mais, ocupa a 11ª posição. Além disso, o time venceu dois jogos seguidos, mas empatou, sem gols, os dois últimos fora de casa contra o Sampaio Corrêa e o Avaí. Por isso, precisa voltar a vencer para manter as chances de se aproximar do G-4, o grupo que se classifica à Série A.

O volante Everton não deu dicas sobre a escalação. “O professor (Sérgio Guedes) não falou nada com a gente. Ele fez variações, observações sempre pensando no adversário. O objetivo é fazer o melhor e tenho certeza de que, independente de quem vai jogar, o time será forte na busca por essa vitória”, garantiu.

O volante ainda acrescentou: “Nosso técnico está assistindo aos vídeos dos adversários, analisando os pontos fortes e fracos. Por isso, é normal segurar um pouco a escalação.”

Do Blog do Torcedor. 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker