Página inicial
 
Mural de recados
18.11 | Paulo alvinegro
Era o ano pra um time do interior chegar lá com o rebaixamento dos três da capit ...
18.11 | MARCONDES
´PELA PRIMEIRA VEZ NA HISTORIA DO FUTEBOL PE. 3 GRANDES CAIRAM, A COMEÇAR PELO M ...
17.11 | CLEO
VERDADE VICTOR HUGO O REINADO DOS TRÊS DA CAPITAL ACABOU,COMO DIZ O DITADO FIZER ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
23/08/2014
16h30 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B -> Apático, Santa Cruz fica no 0×0 com o Avaí na Ressacada em Florianópolis
Clique e Confira.
Agora são quatro partidas sem levar gols. Positivo, se o Santa Cruz pelo menos marcasse. Mas no fim do jogo contra o Avaí, o placar apontava 0×0, assim como o da última terça-feira, contra o Sampaio Corrêa. Apático e sem o mínimo de criatividade, a equipe Coral abusou dos erros na troca de passes e não conseguiu finalizar. O resultado da partida, válida pela 18ª rodada da Série B, além do empate sem gols, foi domínio de jogo do Avaí que, se não fosse pelas grandes defesas de Tiago Cardoso, poderia ter feito a festa no Estádio da Ressacada.

Com o ponto conquistado, o Santa Cruz conseguiu subir uma posição e agora é o 13º colocado, somando 24 pontos. O Avaí permanece na 4ª posição com 31. Na próxima rodada, o Tricolor joga em casa, contra o Atlético/GO. A partida seria no sábado (30), mas acabou antecipada para a sexta (29), às 20h30. O Leão catarinense vai ao Rio de Janeiro onde enfrenta o Vasco no sábado, às 16h10, em São Januário.

JOGO – Os primeiro tempo foram de oscilação. O Avaí começou dominando a partida, marcando a saída de bola do Santa Cruz e sem dar espaço ao visitante. Assustou bastante o goleiro Tiago Cardoso já nos minutos iniciais. Enquanto isso, nas poucas chances que tinha de pegar a bola, o Tricolor pecava na saída e na troca de passes. Errou muitas vezes e não encontrou espaço para chegar ao ataque.

A maior fragilidade da equipe Coral seguia no lado esquerdo. E era por lá que o Leão catarinense aproveitava para chegar as jogadas de perigo, principalmente com Bocão e Diego Jardel. Titular incontestável no time de Sérgio Guedes, Renatinho se esforçava, mas não dava conta da posição. Julinho, que o substituiu no empate sem gols da última terça-feira contra o Sampaio Corrêa pode ainda não ter ritmo de jogo, mas tem postura mais ofensiva e se encaixa melhor na lateral.

De acordo com números, o Santa não oferecia perigo, mas tampouco o afastava de sua área. Marcou pouco. Consequentemente, isso ocasionou menos faltas do lado tricolor. Dos 25 minutos em diante, a equipe pernambucana apresentava maior imposição. Equacionou o domínio de bola, mas continuava a errar na troca de passes e não tinha criatividade para finalizar. Assim, das oito finalizações em todo o primeiro tempo, sete foram do Avaí. Na saída para o intervalo, o lateral Tony alertou: “Tá faltando concentração na nossa equipe e eles marcam melhor”.

No segundo tempo, os dois times voltaram não só com as mesmas escalações, mas posturas idênticas às apresentadas no começo do jogo. O Avaí adiantado, buscando o gol. O Santa encostado na parede, investindo mais na parte defensiva que, ainda assim, apresentou falhas. Ainda nos primeiros minutos, Danilo Pires errou um passe e Marquinhos aproveitou e tocou para Anderson Lopes. Sorte de Tiago Cardoso que o atacante errou na finalização.

Sem qualquer criatividade, o Tricolor só se limitava aos contra-ataques para avançar. Quem se destacava pelo lado dos pernambucanos, mais uma vez, era o goleiro Tiago Cardoso. Segurou o placar mesmo com as constantes investidas do Avaí. Fez duas grandes defesas em jogadas seguidas, já na etapa final do jogo – com finalizações de Anderson Lopes e Marquinhos. Com a segurança do paredão Coral e o recuo do restante do elenco, as redes acabaram não balançando no Ressacada.

Ficha Técnica: Avaí/SC 0 x 0 Santa Cruz

Avaí/SC: Vagner; Bocão, Pablo, Antônio Carlos e Marrone; Júlio César, Eduardo Neto, Diego (Paulo Sérgio) e Marquinhos; Anderson Lopes e Willen. Técnico: Geninho.

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Tony, Everton Sena, Renan Fonseca e Renatinho; Sandro Manoel, Everton (Bileu), Danilo Pires e Carlos Alberto (Wescley); Keno e Léo Gamalho. Técnico: Sérgio Guedes.

Série B (18ª rodada). Estádio: Ressacada, Florianópolis (SC). Sábado (23), às 16h10. Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG). Assistentes: Marconi Helbert Vieira e Frederico Soares Vilarinho (ambos do MG).
Cartão amarelo: Anderson Lopes (21′/2ºT), Marquinhos (30′/2ºT)
 
Do Blog do Torcedor 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker