Página inicial
 
Mural de recados
26.05 | marcelo
Concordo plenamente com voce paulo esses reporteres das radios de caruaru sao do ...
26.05 | Davi
Infelizmente o editor desse blog não publicou meu comentário, so sei de uma cois ...
26.05 | Patativa
É verdade Paulo alvinegro excelente o seu comentário você estar de parabéns. ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
06/08/2014
06h35 | esportes - COPA DO BRASIL
COPA DO BRASIL > Santa Rita x Santa Cruz - 22h - Rei Pelé - Maceió/AL
Clique e Confira.

O jogo contra o Santa Rita, nesta quarta-feira, às 22h, no Rei Pelé, é pela Copa do Brasil. Mas quando os jogadores do Santa Cruz entrarem em campo para enfrentarem o time alagoano o foco estará dividido entre o mata-mata nacional e o próximo compromisso – o Náutico, pela Série B, no sábado, no Arruda. Equilibrar os diferentes objetivos será a missão tricolor para sair vencedor. Por isso, é importante a concentração no gramado.

Apesar do clássico ser considerado mais importante, até porque o adversário da Copa do Brasil é apontado como mais fraco, o técnico Sérgio Guedes não irá apostar no time reserva ou misto no jogo desta quarta. O Santa Cruz terá força máxima para a partida. “Não tem mudança, é minha filosofia de trabalho. Nós buscamos uma regularidade”, disse o treinador.

Motivos não faltam para essa decisão de Guedes. O primeiro deles é que uma vitória no jogo de ida serve para dar moral aos corais para o Clássico das Emoções. Seria a segunda vitória seguida da equipe tricolor depois da Copa do Mundo, uma sequência que com certeza colocaria o desgaste da partida – Náutico tem semana livre – em segundo plano. “Ruim é quando não se ganha. Aí sim você sente desgaste”, argumentou Guedes.

Já o segundo motivo é financeiro. Bater os alagoanos logo no jogo de ida encaminharia a classificação para a próxima fase e deixaria o Santa Cruz mais perto da premiação da competição – que é de R$ 530 mil. Para um clube que passa por dificuldades financeiras, esse dinheiro viria em ótima hora.

SANTA RITA - Time de empresários em Alagoas, o Santa Rita não joga uma partida oficial desde maio, quando venceu o Potiguar justamente pela Copa do Brasil. O jogador mais conhecido é Reinaldo Alagoano, que já passou por CRB, ASA, Boa Esporte e Bahia. Ele é apontado por Sérgio Guedes como uma das principais ameaças do time alagoano. “É muito perigoso”, afirmou.

FICHA DA PARTIDA – SANTA RITA X SANTA CRUZ

Santa Rita – Jefferson; Edir, Selmo Lima, Júnior Carvalho e Jeanderson; Adriano, Cristiano, Tinga e Wagner Líbano; Rafael Silva e Reinaldo Alagoano. Técnico: Eduardo Neto.

Santa Cruz – Tiago Cardoso; Tony, Everton Sena, Marllon e Renatinho; Sandro Manoel, Everton, Danilo Pires e Carlos Alberto; Pingo e Léo Gamalho. Técnico: Sérgio Guedes.

Copa do Brasil. Local: Rei Pelé, Maceió (AL). Horário: quarta-feira, às 22h. Árbitro:  Devarly Lira do Rosario (ES). Auxiliares:  Fabio Faustino dos Santos e  Edson Glicerio dos Santos (ambos do Espírito Santo).

Do Blog do Torcedor 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker