Página inicial
 
Mural de recados
28.04 | Antonio
Esse Danilo Costa parece ser um monstro na zaga ...
28.04 | Anderson
Esse zagueiro Danilo parece ser um bom jogador para a nossa PATATIVA!!!! ...
28.04 | Gabriel
O Central precisa de um bom plano de marketing, filmar bastidores, como é a roti ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
27/06/2014
09h57 | esportes - SANTA CRUZ
SANTA CRUZ > Cogitado na lista de dispensas, atacante Adilson fica no Arruda e quer brigar pela titularidade
Clique e Confira.
Adilson chegou na sala de entrevistas do Arruda lembrando - com bom-humor - há quanto tempo não pisava ali. “Uns três meses que não sento nessa cadeira”, disse sorrindo. O atacante chegou ao Santa Cruz no mês de março e não teve muitas oportunidades para mostrar serviço. O nome dele chegou a aparecer na lista mais recente de dispensas do Tricolor do Arruda, mas foi “salvo” quase no apagar das luzes. Sérgio Guedes, que já conhecia o atleta por terem jogado em equipes adversárias e no mesmo grupo, em São Paulo, resolveu dar a ele uma nova chance.

Após a quase saída do Arruda, o atleta reagia bem ao desligamento. “Quando a direção conversou comigo e informou que talvez eu não poderia permanecer falei que tudo bem. Eu respeito, isso é do futebol”, contou. O jogador explicou que entendia que não são todas as contratações que um clube faz que dão certo e que ele não estava dando certo naquele momento. Adilson associa o mau momento à falta de oportunidades para mostrar resultados. “Estou aqui há três meses e não joguei mais de 30 minutos nas partidas que entrei. Com exceção do jogo contra o Lagarto que jogamos com a equipe reserva, mas mal treinamos e não fui bem”, lembrou, além de adicionar que não estava agradando a diretoria e a antiga comissão técnica.

A diretoria tricolor e o treinador Sérgio Guedes analisaram a situação de Adilson e resolveram que ele fica. “Falei pra ele que estou disposto a ajudar, que eu quero dar mais e posso dar mais. Ele resolveu me dar a oportunidade e eu vou aproveitar o máximo possível”, disse. O primeiro objetivo do atacante é começar a jogar. “Eu vim aqui pra jogar e não pra ser mais um. Quero aproveitar o máximo possível de jogos e procurar fazer o máximo de gols porque atacante vive de gols”.

Atualmente se fala muito em briga pela titularidade no Santa Cruz. Sobre as suas condições para entrar nesse páreo, Adilson mostra confiança e acredita no  preparo que tem e o que está sendo feito nesta intertemporada. “Eu estou pronto para brigar pela titularidade. Estou igual a todo mundo, voltei igual a todo mundo, estamos todos nivelados. Quem vinha jogando tem um pouco de vantagem, mas o campeonato é longo e eu tenho certeza que vou ter alguma oportunidade”, afirmou.
 
Fonte: Super Esportes PE 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker