Página inicial
 
Mural de recados
23.06 | Antonio
Olha a quantidade de possíveis desfalques que o Central pode ter no jogo, é muit ...
23.06 | Danilo
http://sportv.globo.com/site/programas/ta-na-area/noticia/2017/06/empresario-ilu ...
23.06 | Duda
Eu acredito!!! Vamos meu Central, vamos sair dessa série D. Lícius tem feito o p ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
04/10/2013
00h13 | esportes - SÉRIE C
SÉRIE C > Santa Cruz vence Rio Branco e assume liderança do grupo A: 2x0
Clique e Confira.
O Santa Cruz é o líder do grupo A da Série C. Com 31 pontos em 18 jogos, a Cobra Coral chegou à ponta da chave e se aproximou da classificação para a segunda fase após uma vitória fundamental sobre o Rio Branco. André Dias e Raul marcaram, no primeiro tempo, os gols do tricolor no triunfo (2 x0) sobre os acreanos, no Florestão, nesta quinta-feira. O próximo compromisso do time de Vica é no domingo, às 19h, no Arruda, diante do Brasiliense.

O JOGO - Com a necessidade da vitória, o Santa Cruz foi para cima desde o início do jogo. O time do Rio Branco, já rebaixado, não assustava. E o clima da torcida não era de pressão: apenas 127 pessoas estiveram no Florestão para acompanhar o duelo.

A primeira boa chance coral foi logo aos cinco minutos. Falta na intermediária: em jogada ensaiada, Renatinho rolou para Éverton Sena. O zagueiro tricolor encheu o pé e soltou a bomba. A bola explodiu no travessão.  A resposta do Rio Branco foi quase imediata.  No lance seguinte, o atacante Giovani bateu de dentro da área com perigo, mas a bola passou ao lado

Apesar do susto, o Tricolor era melhor. Tanto era que chegou ao primeiro gol aos 12 minutos. O RIo Branco saiu mal lá de trás. O Tricolor roubou a bola. Nininho recebeu na direita e cruzou no capricho para André Dias. O atacante foi esperto, antecipou-se à defesa e mandou para as redes. Um a zero para a Cobra Coral.

Após o gol, a tendência era crescer. Não foi isso, porém, o que aconteceu. O Santa Cruz retraiu-se um pouco, enquanto o Rio Branco cresceu. O Estrelão assustou em algumas oportunidades, sobretudo pelos pés do meia Testinha. Ele era o principal jogador dos acreanos. As melhores chances foram com o camisa 10 em bola parada. Aos 17, na entrada da área, bateu com força, no canto de Tiago Cardoso. Como não tentou adivinhar o que o adversário faria, o goleiro tricolor pegou. Aos 26, cobrou nova falta. Desta vez, a pelota desviou na barreira e quase entra.

Aos 38, foi a vez do Santa chegar. E o tricolor não perdoou. André Dias cruzou, Renatinho ajeitou de cabeça para Raul, que empurrou para o gol: 2 x 0. Boa vantagem para a Cobra Coral. No segundo tempo, bastava administrar.

Foi o que o Tricolor fez. Até os 10 minutos da segunda etapa, nenhuma oportunidades para cada lado. Aos 11, Testinha teve mais uma boa chance em falta. Da entrada da área, tentou colocar, mas mandou para fora. Dois minutos depois, a chegada tricolor foi ainda melhor. Tiago Costa fez grande jogada, driblou Januário e encheu o pé. Douglas fez ótima defesa e mandou para escanteio. No corner, Raul subiu bem e quase fez seu segundo de cabeça. O goleiro acreano esteve atento e fez outra grande intervenção.

O jogo era lento. O Santa Cruz continuava melhor e, se forçasse um pouco mais, chegaria ao gol. Em várias ocasiões, envolveu o time adversário, mas não marcou por puro excesso de preciosismo. Vica mexeu: sacou Renatinho e colocou Leozinho. Aos 30, tirou Natan e colocou Caça-Rato. Leozinho até entrou bem, com vontade, mas pecou na finalização. O segundo atacante teve várias chances, mas não conseguiu fazer. A melhor delas foi aos 33. Leozinho fez tudo certo: driblou, entrou na área, ficou de frente para o goleiro, mas, na hora do chute, errou. Bateu mal: a bola pasou ao lado da barra.

O Santa Cruz não precisou desse gol: os 2 x 0 foram suficientes para a vitória e, principalmente, para a liderança. Mas há más notícias: Raul foi expulso no final do jogo de forma infantil e desfalca o time diante do Brasiliense. Nininho e Sandro Manoel, com terceiro amarelo, também ficam de fora.

Ficha do Jogo


Rio Branco: Douglas; Januário, Eric, Pé de Ferro (João Carlos) e Ananias; Zé Marco (Araújo),Paulinho Pitbull, Ismael e Testinha; Giovani e  Marcelo Brás (Giuliano). Técnico: Tangará

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Nininho, Everton Sena, Renan Fonseca e Tiago Costa; Sandro Manoel, Luciano Sorriso (Ramirez), Natan (Caça-Rato), Raul e Renatinho (Leozinho); André Dias. Técnico: Vica

Local: Estádio Florestão
Horário: 19h30
Árbitro: Edmar Campos da Encarnação (AM)
Assistentes: Jander Rodrigues Lopes (MT) , e Ivo Fernando da Costa de Sousa (AM)
Cartão amarelo: Pé de Ferro, Araújo (Rio Branco); Nininho (Santa Cruz)
Cartão vermelho: Raul (Santa Cruz); Ananias (Rio Branco)
Gols: André Dias ( aos 12 do 1ºT) e Raul (aos 38 do 1ºT) para o Santa Cruz
Público: 127
Renda: R$ 830,00
 
Do Blog do Torcedor 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker