Página inicial
 
Mural de recados
27.04 | Givaldo
Esse tal de Patativa devia mudar o nome para Urubu, esse desgraçado só faz corta ...
27.04 | Patativa
Meu Deus isso foi mostrado e um gramado ou um chiqueiro ...
26.04 | MARCOS LEITE
O CENTRAL PERDEU VÁRIOS BONS JOGAGORES Q DISPUTARAM O PERNAMBUCACNO DESSE ANO, A ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
09/08/2013
18h13 | esportes - SANTA CRUZ
SANTA CRUZ > Afastado, atacante Paulo César reclama de salários atrasados e esquecimento do tricolor
Oferecimento: Caruaru Factoring

Os salários atrasados no Arruda não atingem apenas os jogadores do Santa Cruz em atividade. Além dos atletas, comissão técnica e funcionários, o atacante Paulo César, afastado do elenco coral, ainda espera o pagamento de três meses vencidos e a definição sobre o seu futuro. Morando na concentração do estádio José do Rêgo Maciel desde o dia 31 de julho, o jogador não esconde a frustração por estar sem jogar.

"Tudo o que sei é que estou afastado e fiquei sabendo tudo pela imprensa. Cheguei a conversar com a diretoria e fizemos um acordo para minha saída, mas não foi cumprido. E o pior era que a proposta era boa para o clube", explicou. A insatisfação com a situação era visível no rosto do atleta, que ainda não sabe o que fará no futuro. Mas algumas sondagens já foram feitas de acordo com Paulo César. "Tive times de Série A e B me sondando, mas meu contrato com o Santa Cruz vai até o fim do ano. Por isso, não defini nada ainda."

Paulo César não soube apontar os motivos exatos para não ter dado certo no Arruda. Após jogar 12 anos na Europa, ele reconhece que não se adaptou corretamente, mas precisava ter mais tempo de jogo. "Acho que faltou mais oportunidade. Joguei pouco e após 12 anos é complicado voltar e se adaptar a esses gramados ruins. O pior é ter que ficar assitindo ao coletivo por trás dos gols sem treinar com os companheiros", lamentou.

Paulo César foi dispensado ainda na época em que Marcelo Martelotte era o treinador do clube e eximiu Sandro da atual situação. Porém, teve esperança de ganhar uma chance com o novo treinador. "O Sandro não tem nada com isso, nem chegamos a conversar pois já estava afastado. Fui profissional até onde pude, mas não deu certo aqui."

Diretoria
O diretor de futebol Constantino Junior esclareceu a situação de Paulo César e afirmou que o jogador encontra-se afastado do grupo de atletas. Segundo o cartola, tudo já estava acordado e agora depende do setor administrativo para que a saída do atleta seja concretizada.

Do Super Esportes


.
 
 
 
eXTReMe Tracker