Página inicial
 
Mural de recados
25.06 | jonathas silva Beringuel
Lamentavel mais um ano perdido pro central. mais um ano de sofrimento pra torcid ...
25.06 | Davi
A ultima vez q fui ao Lacerdão foi na eliminação da serie D de 2009 naquele dia ...
25.06 | Ze ligado
Se espantar com o que??? Foi o central sendo o central simplesmente isso. Já per ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
19/05/2013
00h11 | esportes - SANTA CRUZ
SANTA CRUZ: Empresário de Tiago Cardoso fala sobre negociação e coloca goleiro próximo do Náutico
Oferecimento: Caruaru Factoring

Ao que parece, o goleiro Tiago Cardoso está cada vez mais perto do Náutico. Depois do período de negação, já se admite que existe uma proposta oficial do clube alvirrubro para tirar o jogador do Arruda. Além do Timbu, há outros clubes na disputa - possivelmente Bahia e Criciúma, ambos da Série A. Mas, de acordo com o empresário do arqueiro, Ytalo Pontes, a equipe da Rosa e Silva sai na frente da concorrência,

"Tiago Cardoso estar bem adaptado ao Recife. Foi isso que fez ele renovar com o Santa Cruz. Ele gosta da cidade. Então, até por isso, o Náutico larga na frente nessa disputa", disse o agente. Não foi apenas a cidade, claro.

Os valores também agradaram a Cardoso e Pontes, e, além disso, a visibilidade que a primeira divisão oferece. "Basicamente, os números que foram propostos são de um goleiro de Série A. Vai ter um reajuste significativo nos valores que ele recebe. Mas Tiago é um cara que não liga tanto para isso, para números. O que pesou também para o atleta é a questão de jogar uma série A. De ter uma projeção que a primeira divisão sempre dá", disse.  

A grande polêmica sobre a saída do goleiro é a respeito da cláusula no contrato que o liberaria sem ônus. O empresário explicou a situação. " Em todo contrato existe multa. Mas também existe cláusula. No de Tiago, não é uma cláusula que libera para clubes da Série A e do exterior. Não é assim: é uma cláusula que dá brecha para o jogador sair juridicamente", afirmou. Pontes, contudo, disse que usar esse dispostivo está quase fora de cogitação. "Não vamos usar essa cláusula. Só se for a última das últimas opções. Pela amizade que temos com Jomar (Rocha) e Constantino (Júnior, ambos diretores de futebol do Santa), vamos conduzir isso de forma pacífica", garantiu.

Do Blog do Torcedor 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker